A verdadeira história do Belmiro de Azevedo! E esta ein ???...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A verdadeira história do Belmiro de Azevedo! E esta ein ???...

Mensagem por T@go em Qui Out 20, 2011 8:18 pm

Como o Belmiro começou a enriquecer...
>
> ...Nadava nas águas da UDP...
>
>
>
> Quando, em 14 de Março de 1975, o governo de Vasco Gonçalves
> nacionalizou a banca com o apoio de todos os partidos que nele
> participavam (PS, PPD e PCP), todo o património dos bancos passou a
> propriedade pública. O Banco Pinto de Magalhães (BPM) detinha a SONAE,
> a única produtora de termolaminados, material muito usado na indústria
> de móveis e como revestimento na construção civil. Dada a sua posição
> monopolista, a SONAE constituía a verdadeira tesouraria do BPM, pois
> as encomendas eram pagas a pronto e, por vezes, entregues 60, 90 e até
> 180 dias depois. Belmiro de Azevedo trabalhava lá como agente técnico
> (agora engenheiro técnico) e, nessa altura, vogava nas águas da UDP.
> Em plenário, pôs os trabalhadores em greve com a reclamação de a
> propriedade da empresa reverter a favor destes. A União dos Sindicatos
> do Porto e a Comissão Sindical do BPM (ainda não havia CTs na banca)
> procuraram intervir junto dos trabalhadores alertando-os para a
> situação política delicada e para a necessidade de se garantir o
> fornecimento dos termolaminados às actividades produtoras. Eram
> recebidas por Belmiro que se intitulava “chefe da comissão de
> trabalhadores”, mas a greve só parou mais de uma semana depois quando
> o governo tomou a decisão de distribuir as acções da SONAE aos
> trabalhadores proporcionalmente à antiguidade de cada um.
>
> É fácil imaginar o panorama. A bolsa estava encerrada e o pessoal da
> SONAE detinha uns papéis que, de tão feios, não serviam sequer para
> forrar as paredes de casa… Meses depois, aparece um salvador na figura
> do chefe da CT que se dispõe a trocar por dinheiro aqueles horrorosos
> papéis.
>
> Assim se torna Belmiro de Azevedo dono da SONAE. E leva a mesma
> técnica de tesouraria para a rede de supermercados Continente depois
> criada onde recebe a pronto e paga a 90, 120 e 180 dias…
>
> Há meia dúzia de anos, no edifício da Alfândega do Porto, tive
> oportunidade de intervir num daqueles debates promovidos pelo Rui Rio
> com antigos primeiros-ministros e fiz este relato. Vasco Gonçalves não
> tinha ideia desta decisão do seu governo, mas não a refutou, claro.
> Com o salão pleno de gente e de jornalistas, nenhum órgão da
> comunicação social noticiou a minha intervenção.
>
> Este relato foi-me feito por colegas do então BPM entre eles um membro
> da comissão sindical (Manuel Pires Duque) que por várias vezes se
> deslocou na altura à SONAE para falar aos trabalhadores. Enviei-o para
> os jornais e, salvo o já extinto “Tal & Qual”, nenhum o publicou…
>
>
>
> Gaspar Martins, bancário reformado, ex-deputado
avatar
T@go

Mensagens : 2554
Sexo : Masculino Idade : 41
Localização : Carcavelos
Data de nascimento : 11/05/1976
Data de inscrição : 02/02/2011
Emprego/lazer : Tecnico de suporte

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum